Home / Destaque / Telemedicina beneficia pacientes graves no HGP

Telemedicina beneficia pacientes graves no HGP

Com o uso da tecnologia, agora é possível a troca de informações em tempo real, por meio de videoconferências na assistência ao paciente. Um projeto de Telemedicina do Albert Einstein vem fazendo a diferença desde 2017 no Hospital Geral de Palmas (HGP). O trabalho funciona da seguinte forma: as videoconferências são agendadas diariamente com a equipe do Einstein, onde é possível o especialista ter acesso a dados e imagem do paciente pela videoconferência no momento da visita do médico nos leitos. A Telemedicina inicia às 9 horas na Unidade de Cuidados Intensivos (UCI); e na Unidade Tratamento Intensivo (UTI) às 10 horas.

O serviço de atendimento a distância com suporte 24 horas por dia, sete dias na semana, é oferecido por profissionais de saúde com ampla experiência e conhecimento nas áreas específicas de atuação. De 2017 a 2019, o projeto atendeu 3.985 pacientes que estavam internados na sala vermelha, na Unidade do AVC, nas Unidades de Cuidados Intensivos e na UTI.

De acordo com a fisioterapeuta e coordenadora do projeto no HGP, Alzira Pereira, a troca acaba se tornando uma experiência incrível. “Tivemos uma média de 50% de aproveitamento no tratamento dos pacientes após a utilização da telemedicina. No HGP, o projeto resulta em uma importante troca entre equipe da instituição Hospital Israelita Albert Einstein e equipes assistenciais do HGP, com discussão de casos de pacientes graves internados na unidade. 

O residente de clínica médica, Alexandre Lukas Reis, vê como uma oportunidade de aprendizado para os residentes. “Eu vejo como uma excelente oportunidade de conhecimento para nós residentes, temos muito a ganhar. Tive a oportunidade de discutir casos de pacientes e, com isso, trocar saberes com profissionais da equipe do  Albert Einstein. Isso é muito importante para o trabalho que desempenhamos”, declarou.

Para o médico e pós-graduado em Terapia intensiva e Cardiologia, Luciano Lopes, contar com esta ferramenta ajuda muito no tratamento do paciente. “Além de auxiliar, muitas vezes  nos deparamos com casos novos e a outra equipe já tem experiência e nos sugere algum tipo de tratamento de acordo com cada caso. Foram diversos os casos discutidos por meio da Telemedicina sobre pacientes com pneumonia, acidente vascular cerebral, vítimas de trauma crânio-encefálico, entre outros. É uma experiência grandiosa o contato com outros intensivistas do país”, concluiu.

Para o diretor-geral do HGP, o médico Edgar Tolini, este projeto da Telemedicina vem dar um suporte significativo ao HGP. “Sabemos o quanto é importante a troca de experiência na área da saúde e principalmente quando se trata de casos graves de pacientes que recebem a assistência no nosso hospital, com evolução nos diagnósticos, procedimentos e protocolos e condutas médicas e terapêuticas. Os pacientes e profissionais que ganham com este serviço”,  destacou.

DEIXE AQUI SEU COMENTARIO

About Luiz Martins

x

Check Also

Programa Criança Feliz do Tocantins representa o Brasil em evento mundial

A experiência desenvolvida pelo Programa Criança Feliz (PCF) no Tocantins será apresentada nesta segunda-feira, 22, em ...

Powered by Dragonballsuper Youtube Download animeshow